Sady Folch - Um Peregrino da Palavra

# SONS DO MATO-GROSSO

Nos feitos d’uma história de raiz,
Está o Mato-Grosso e suas paixões,
A compor as fronteiras de um País,
Terra de nossos sonhos em canções,
.
De seus campos e serras sou amante,
E em seus cantos que encerra tradições,
Sou poeta fiel e assediante,
Das palavras assíduas nos rincões,
.
Dos sons dos sabiás saem sarau,
E na voz da vibrante passarada,
Ficam marcas eternas no jirau,
.
Da presença da terra solfejada,
Que rende sua homenagem-capiau,
A minha Cuiabá-cidade amada.

Sadi - Um Peregrino da Palavra

Um comentário:

nei disse...

Parabéns caro SADY pelo seu trabalho um abraço