Leidyanne Andrade

MINHA LEVE CAMADA DE CETIM

Me surpreenda vida, 
não quero que seja tudo como espero.
Me surpreenda, 
nem que me derrube.

Mas quero que me faça aprender, 
para que eu saiba como é. 
Assim darei mais valor,
há aquilo que recebo.

(Leidyanne Andrade)

@poesiasleidyanneandrade
@ateliedaleidy

Nenhum comentário: