INICIO E O FIM


                         

Desde o nascimento, as nossas vidas caminham.
Em uma estrada sem fim, entre curvas e retas.
Nas retas, viveremos eternamente juntos.
Nas curvas, despercebidas à caminhada continuam.

Nas retas, todos seguem juntos e cheio de planos.
Nas curvas, não reparamos os abismos.
Nas retas, a cada momento são únicos e especiais.
Nas curvas, muitos que admiramos vãos ficando pra trás.

Nas retas, vamos plantando a semente.
Nas curvas, no silencio são eles que vão falar.
Nas retas, olhamos para trás e olhamos pra frente.
Nas curvas, parece tão longe da vontade desanimar.

Nas retas, aparecem dois caminhos.
Nas curvas, a escolher.
Nas retas, lá onde todos nos vamos viver eternamente sem 
Nas curvas.


Nenhum comentário: